domingo, 1 de fevereiro de 2015

Sou filha do vento

L.P14


Sou filha do vento
Eu sou o ar
Não me prenda
Meu destino é ser livre e voar

Sou filha das estrelas
Amante da Lua
Protegida do sol

Sou areia da praia
Não tente contar meus grãos
Não obterás a quantidade
Não encontrarás explicação

Sou arco-iris
Vivo e intenso
Mas…
Não conseguirá me tocar no céu imenso

Sou melodia
Do vento que assobia
Seja de noite, seja de dia

Sou andarilha
Sou Anjo alado
Sinta!
Estou ao seu lado

Sou água de rio
Não tentes me represar
Pois meu destino
É ao mar me juntar

Kira, Penha Gonçales.

l.d.p.03