domingo, 22 de março de 2015

Vem...





Vem... 

Preciso abraçar-te com todas as forças do meu ser como

se fosse a primeira, a única, a derradeira vez

Preciso afagar teu rosto com doçura e navegar nestes olhos que

me espreitam com ternura.Vem! Já não suporto os apelos da

tua boca tentadora

Quero que me roubes um beijo, a princípio, brando,mas neste

beijo quero sentir voz de comando e desfalecer só de antever o

gozo de outras carícias arrebatadoras

Vem! E traz contigo as duas metades a metade humana e a

metade fera

Arranca-me de vez do meu insulamento, rola comigo por

desconhecidas ribanceiras Vem!


SITE DIVINA TENTAÇÃO